Cecelia Ahern – A Vez da Minha Vida

Postar via celular definitivamente não é tão interessante como postar via web. Rs. Costumava fazer isso sob o título Projeto 12, mas dada a falta de recursos tecnológicos, farei de maneira bem mais simplória.

image

Em “A Vez da Minha Vida”, de Cecelia Ahern (autora de PS: Eu te Amo), conhecemos a Lucy Silchester, uma moça à beira do trigésimo aniversário cujas escolhas que fez e histórias que contou não são o que parecem, quando ao voltar do trabalho ela se depara com um envelope de ouro. Dentro dele, um importante convite: um encontro com vida, com sua própria vida.

Cuidado: a partir de aqui pode haver e spoilers
Do início ao fim da história, Vida é um mistério completo. Para mim, em particular, é bem irracional e mesmo bizarro imaginar uma empresa que oferece um serviço como o de Vida. Aliás, Vida pode às vezes ser assustador e de fato essa foi uma parte do enredo que tentei abstrair como sendo uma espécie de metáfora ou mesmo de licença poética – não é natural imaginar que um desconhecido saiba/consiga saber tanto sobre a sua vida como você mesmo.

Apesar da intromissão, Vida é incrível e sua relação com Lucy, mais que reservar grandes surpresas, nos leva a muitos risos. De maneira divertida e leve, Ahern nos conduz pela conturbada saga de Lucy, acompanhada por Vida, para consertar todas as mentiras e apuros decorrentes da pequena e aparentemente inofensiva mentira que ela contou três anos antes.

Uma relação conturbada com um pai, uma obsessão por não ficar até o fim, um rompimento, colegas de trabalho com apelidos peculiares (e ótimos!), um gato hermafrodita e personagens de grande coração; todos elementos que fazem de “A Vez da Minha Vida” muito mais que uma mera comédia, mas uma análise profunda de uma vida que em muitos momentos nos leva a refletir a respeito de nossa própria vida.

“Você não tem de ir a Katmandu para encontrar a paz interior, sabe, alguns de nós a conseguem aqui mesmo, na cidade. Em um banho de espuma. Com um livro ou com uma taça de vinho.”

“Você é incapaz de encontrar alguém porque está presa ao passado, então isso é um problema.”

“Aquilo saiu do nada, um comentário aleatório, e fingi não saber do que ele estava falando. Mas eu sabia”.

Nota: 9.00
Editora: Novo Conceito
Preço: R$24.90-29.90 (na maioria das grandes livrarias)

PS: Eu realmente adoraria um filme baseado nesse livro! *-*

Thais Gualberto.

Sobre Thaís Gualberto

Economista & Escritora // Economist & Writer

Publicado em 27 de maio de 2014, em Literatura e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Republicou isso em Thaís Gualbertoe comentado:

    Publiquei esse post há um ano em meu antigo blog, quando terminei de ler este livro e reposto em meu blog atual por ter gostado muito da linda história nele contada.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: