Malhando o Judas!

Primeiro, linda Páscoa a todos!

Uma das tradições mais peculiares da Semana Santa é o “Malhar o Judas”.  No Sábado de Aleluia, um antes da páscoa, é conhecido também como o dia de Malhação de Judas. Nessa data diversas comunidades queimam um boneco do tamanho real de uma pessoa, para simbolizar a morte de Judas Iscariotes. A tradição que não é cristã está perdendo as forças. Cada país realiza a tradição de um modo, alguns queimam os boneco em frente a cemitérios ou perto de igrejas. No Brasil é comum enfeitar o boneco com máscaras ou placas com o nome de políticos (ex-presidente e atual presidente valem? Ministro da desEducação vale?), técnicos de futebol, impostos, ou mesmo personalidades não tão bem aceitas pelo povo. Algumas cidades fazem da Malhação de Judas uma atração turística, como a cidade paulista de Itu. Famosa por seus objetos de tamanhos avantajados, os moradores da cidade aumentam o tamanho do boneco a cada ano, mas com um diferencial, no lugar de atearem fogo, é usando até mesmo dinamite, costuma-se chamar o Estouro de Juda.

Mesmo quem não faz a brincadeira (eu não faço) teria alguém para malhar, afinal por mais legais ou benevolentes que sejamos, teremos sempre algum desafeto… Aproveitando-me da data e do blog, malharei aqui meu Judas, mas em tom de desabafo que de chacota.

Judas muuito caído, mas enfim…

Trata-se de uma pessoa com quem infelizmente convivo quase que diariamente, a qual tratarei por QIGG (explicação: a pessoa se acha muito inteligente). QIGG é um sujeito de quase quarenta anos que estuda comigo (nenhum preconceito com pessoas mais velhas na graduação, OK) com quem basicamente tenho problemas desde o primeiro período. E digo infantilidades provocadas por ele, como questionar-me a respeito de notas e depois “jogar” na minha cara o um décimo a mais que ele teve na mesma matéria ou como o CR ficou 0.14 acima do meu no 1º período (pessoa medíocre, não?).

Então no 2º período fiquei entre os 10 melhores CRs de Economia e a coisa inegavelmente piorou. Piadas sobre minhas canetas coloridas, sobre meus desenhos. Há cerca de 3 semanas, tivemos em uma aula de Matemática III o clímax da coisa na seguinte fala (dele): “Você precisa entender que a sala não é só sua. Todos pagam. Aliás, você nem paga né? Você é bolsista”, isso com toda a maldade do mundo.

E sim, sou bolsista, e daí? Sou bolsista porque fiquei bem classificada no vestibular, porque sempre fui competente e tenho um histórico muito favorável. E mesmo que tivesse uma bolsa pelo ProUni, eu estaria entre os melhores que pelo ENEM habilitaram-se, não? Ter uma bolsa de estudos, para mim, é motivo de orgulho!

Enfim, outras tantas situações já ocorreram, mas essa foi a mais veemente e por isso essa pessoa é o meu Judas. A que chamo de Chockis é uma oooutra coisa que não gosto, mas ela não vem ao caso…

Todos para quem conto isso, dizem: “Mas que cara babaca!” E vocês, o que acham? Vocês têm um Judas a quem malhar?

Só para descontrair, deixo-lhe “Judas” – Kelly Clarkson:

xoxo

http://politicadesaltos.blogspot.com

@thaisdramaqueen

Fontes:

Wikipedia

Portal Clicatribuna

Sobre Thaís Gualberto

Economista & Escritora // Economist & Writer

Publicado em 23 de abril de 2011, em Comportamento e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 13 Comentários.

  1. Thaís, só uma pessoa muito ingorante para achar que ser bolsista é uma coisa ruim. Deveria ter dito para ele que ele só não é bolsista pqe não conseguiu.E vamos combinar… competir nota em plena faculdade é um pouco demais, né? Não tenho o costume de malhar o Judas tbm não, mas confesso que dps do seu post, fiquei pensando em quem eu poderia malhar… hahaha Beijos!

  2. Oi Thaís, grata pelo comentário sobre o meu post. Gostei muito do seu blog!

  3. Primeiramente, que bom que você não colocou a música imbecil da lady gaga. asuhasuhasuha
    Segundo, a tradição realmente não é cristã. Na verdade o dia é sábado de aleluia e espera pela ressurreição de Cristo.
    Terceiro, eu acho a tradição idiota suhasuha mas com certeza teria meus judas a quem malhar. Quem não tem que atire a primeira pedra. Mas como acho idiota apenas ignoro.

  4. Nossa, super joguei uma pedra mental no seu judas mala! rs
    http://www.viajandonabeaute.wordpress.com

  5. Só 3 palavras…. “OHHH VELHO CHATO” .-.
    Eu acho a tradição bem legal, embora eu nunca malhei ninguém, mas tantas ‘figuras’ públicas por ai que bem que mereciam ser dinamitadas pra bem longe!

  6. Que situação, hein?
    Fui bolsista pq trabalhava na escola que pertencia à faculdade e tenho mtooo orgulho disso =)
    Graças a Deus minha sala tinha pessoas ótimas e foram três anos que deixaram saudades, com toda certeza!
    Acredito que atualmente eu não tenha um Judas…
    Passei pelo seu outro blog, mas repito aqui meu agradecimento pela sua visita ao meu blog!
    Bjoo

  7. Nossa que horror, que cara babaca mesmo. Tomara que ele saia logo do seu caminho né:/

    http://teliganadica.wordpress.com

  8. nossa, que situação com esse judas, hein!
    Bjs, Tati
    http://loveshoesblog.wordpress.com
    @loveshoesblog

  9. Uii, situação chata!!!:/
    Ah! Feliz Páscoa atrasado!!!
    BJs,
    Mari
    http://regatabranca.wordpress.com

  10. Estilos Conectados

    HAHA! Vou mandar fazer um judas assim e vou colocar uma foto de alguém que eu odeie pra esmurrar bastante! HAHAHA

    Beijos!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: