Discografia: The Corrs (I)

Sei que The Corrs não é uma das bandas mais populares por aqui, contudo são muitos os motivos pelos quais é uma das mais ouvidas por mim. O grupo irlandês formado pelos irmãos Jim, Sharon, Caroline e Andrea Corr na década de 90 tem canções que juntam significativas letras com uma musicalidade inigualável, a qual certamente deve muito aos acordes do tin whistle e do bodhran, instrumentos típicos irlandeses. Dada a minha inclinação momentânea a passar horas ouvindo The Corrs, aqui fica a minha opinião sobre a obra.

Forgiven, Not Forgotten (1995)

Forgiven, Not Forgotten

Primeiro e melhor disco do grupo se considerado o conjunto da obra. A mistura de pop rock com folk é bem sucedida nas 15 faixas do álbum, incluindo as 6 exclusivamente instrumentais, que são belíssimas. Letras de amor, os envolventes acordes do violino de Sharon, bodhran, tin whistle e a agradável voz de Andrea combinam-se desde esse primeiro trabalho fazendo da música de The Corrs soar única em um mundo musical onde há muito predominam os modismos, ainda que o CD seja nitidamente um produto dos anos 90. Singles: Runaway; Forgiven, Nor Forgotten; The Right Time; Love to Love You. Meus destaques: Heaven Knows; Runaway; Erin Shore pt 1 e pt 2 [instrumental];Closer.

Bom, aos poucos termino a minha análise sobre o The Corrs. Por hoje, apenas o primeiro CD.

Sobre Thaís Gualberto

Economista & Escritora // Economist & Writer

Publicado em 7 de junho de 2010, em Música. Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Esta ai uma das coisas que eu nunca achei que você escutaria xD

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: